Como Instalar Energia Solar – Passo a Passo

Instalar energia solar é mais fácil do que parece porém é necessário que a instalação seja feita por um equipe qualificada. Veja nesta página o passo a passo para instalar energia solar

Devido ao constante aumento da conta de luz derivado do uso interrupto das termoelétricas caras e extremamente poluentes, instalar um sistema de geração de energia solar se tornou uma excelente opção para o seu bolso e para o meio-ambiente. Instalar energia solar em uma residência ou empresa já é acessível à maioria das pessoas que pagam uma conta de luz alta e é muito mais fácil e rápido do que você imagina.

Nesta página vamos explicar como montar um sistema de energia solar detalhando como instalar o painel solar.

Passo a Passo de Como Instalar Energia Solar

Nos 3 passos mostrados abaixo vamos lhe explicar como instalar energia solar em sua residência ou empresa: Como entender a sua conta de luz, como calcular o custo da instalação de placas fotovoltaicas e como instalar o painel solar no telhado.

 

Como Instalar Energia Solar Passo 1:  Entendendo a sua conta de Luz

O primeiro passo para começar seu projeto fotovoltaico e instalar energia solar na sua casa ou empresa é analisar a sua conta de Luz e o seu consumo. Procure na sua conta de luz o seu consumo mensal em kWh. É com base neste número que você vai poder calcular o “tamanho” do seu sistema de energia solar. Veja abaixo exemplo de onde encontrar o seu consumo mensal em kWh na sua conta de Luz.

Contas (1).jpg

No caso da conta de energia da concessionaria

Cemig, no historico  vem informando os ultimos 12 meses de consumo. Basta somar o consumo e dividir por 12 e terá uma media mensal. No caso deste cliente veio marcando os últimos 13 meses. Então, somados os consumos e dividido por 13 temos uma media de  411 Kwhm.

Com base neste historico foram instalados 10 modulos de 330 kwh que geram media de 400 kwh por mes. 

Como Instalar Energia Solar Passo 2: Simulando o custo da instalação de energia solar

Com base no seu consumo mensal de energia mostrado em sua conta de luz, você vai saber o custo de instalação de energia solar em sua casa ou empresa. Isto é muito simples e tudo o que você precisa fazer 

Como Instalar Energia Solar Passo 3: A Instalação do Sistema de Energia Solar

 

Você não deve tentar instalar os seus painéis solares sozinho.

A não ser que você seja um técnico ou um engenheiro experiente, não recomendamos você a tentar fazer a instalação sozinho. São duas as razões pelas quais não recomendamos você instalar os seus painéis solares: 1) É perigoso e você pode se machucar se não fizer corretamente. 2) Para você conectar o seu sistema na sua casa ou empresa você vai precisar de uma autorização da sua distribuidora de energia e somente engenheiros e eletrotécnicos podem fazer esta solicitação para você.

 
Entre em contato conosco. Nossa empresa é especializada em instalações de painéis solares para instalar o seu sistema fotovoltaico. O Procedimento padrão é:
  1. Fazer a visita técnica na sua casa ou empresa e formalizar o orçamento,

  2. Fazer o projeto da instalação da placa solar e já mandar para a distribuidora para adiantar o processo burocrático de conexão do seu sistema à rede,

  3. Instalar o sistema de energia solar no local mais adequado,

  4. Homologar a instalação das placas solares junto a distribuidora

  5. Pronto, você está produzindo a sua própria energia renovável com a luz do Sol e não precisa se preocupar mais com os aumentos da conta de Luz.

Equipamentos necessários para Instalar energia Solar.

kit de energia solar é composto, principalmente, pelos seguintes equipamentos: Placa Solar, Inversor Solar, Estrutura de Fixação das placas solares, cabeamentos e conectores específicos, outros materiais elétricos como disjuntores etc:

Como é instalado o sistema de energia solar

O passo a passo abaixo, demonstra de uma maneira simplificada como instalar o painel solar:

 

1: Preparando o local de instalação das placas solares –  Com base no layout desenhado para o sistema, a equipe de instalação, sobe no telhado da sua casa ou empresa e desenha onde será alocado cada painel solar.

 

2: Instalando os “suportes” dos painéis solares – Em telhados de barro, as telhas são removidas nos lugares certos, de acordo com o layout, e os “suportes” são aparafusados nestes pontos provendo a base da fixação do sistema. Em telhados de metais, a instalação é mais simples e o suporte é aparafusado através da própria telha metálica provendo segurança e proteção contra infiltrações.

 

3: A instalação dos “trilhos” onde os painéis solares serão

 fixados – As estruturas de fixação são todas pré-fabricadas, normalmente em alumínio. Os trilhos são feitos para encaixar perfeitamente nos suportes e prover um local perfeito para prender os painéis solares.

 

4: Instalar as placas solares sobre os trilhos e conectar os cabos – Com os trilhos bem fixos é hora de instalar os painéis em seu devido lugar e conectar os cabos.

5: Conectar os painéis solares no inversor solar e instalar o inversor  na rede elétrica de sua casa ou empresa – Esta é a parte final da instalação, onde quem trabalha é somente o eletricista. Após a instalação e a conexão à rede, o sistema de energia solar já está produzindo energia elétrica e você começa a economizar na conta de luz assim que a concessionaria trocar seu medidor..

Manutenção do sistema de energia solar

A manutenção do sistema de energia solar é mínima e de baixo custo, porém deve ser feita. A manutenção consiste basicamente em limpar as placas solares a cada ano, ou quando o sistema apresentar uma queda na produção de energia. Esta limpeza é simples e feita da mesma forma que você limpa uma janela, ou seja, basta passar um pano ou esguichar um pouco de água que a placa estará limpa de qualquer sujeira.

A outra parte da manutenção é relacionada ao inversor solar. Dependendo do tipo de inversor que você usar será necessário substituir uma ou outra parte dele depois de 5-10 anos.

No geral, a manutenção de um sistema de energia solar é muito baixa e barata. Ou seja, o impacto da manutenção no custo da energia é mínimo e não representa mais do que 1% por ano do custo total do sistema.